Saturday, January 28, 2012

PUDERA


Com ou sem medo das verdades
Dentro de uma realidade virtual
Mesmo na ausência da claridade
Lá estão os olhos no espelho d'água

4 Comments:

Blogger Lúcia Regina Corrêa said...

Boa Essa!!! Bjs

10:38 AM  
Blogger Lúcia Regina Corrêa said...

Boa Essa!!! Bjs

10:39 AM  
Blogger ::Prosas & Pensamentos:: said...

O mundo virtual é uma incognita, acho eu...tudo é muito confuso, mas tem sido algo de real, muito pouco...e esse instante vc conseguiu dizer em poucas palavrinhas neste poeminha, bacana.

2:22 AM  
Blogger Lilian Ferraz said...

Virtual ou real,o que importa é a interação poética.Bom demais!Boa tarde!Abraços

7:56 AM  

Post a Comment

<< Home