Monday, September 08, 2008

QUARTETO SEM FLOR


QUARTETO SEM FLOR


Ó flor sorriso, quem te colheu?
Os meus gestos imprecisos
Talvez, sem ênfase, me toldaram
Fazendo com que perdesse tua colheita.
Otávio Coral

2 Comments:

Blogger Ellen Veloso Soares said...

Maravilhosa poesia! Cabe aqui tanto um questionamento a outra pessoa (flor sorriso) como a si mesmo (a sua felicidade..).

5:07 AM  
Blogger SoniaR said...

Sou eu quem diz, querido poeta: é inenarrável o prazer de te ler! Grande beijo

5:49 PM  

Post a Comment

<< Home